Renda-se às rendas!

by marianakuenerz

Rendas podem compor vestidos para noivas de diferentes estilos, podendo ser elas clássicas, românticas, minimalistas e até despojadas. Com saia ampla ou modelagem fluida, as rendas nunca saem de moda.

Democrática com os tipos físicos, seguindo algumas regras básicas da moda, é claro, a renda pode ser usada por todas as noivas.

Existem inúmeros tipos de rendas que se diferenciam em relação ao seu desenho, bem como a sua espessura, combinando melhor, portanto, com o tipo de vestido que a noiva busca, sendo as rendas francesas as mais procuradas pelas noivas.

Tipos de rendas:

Renda Chantilly – francesa: Possui caimento leve e delicado, além de macio ao toque. É caracterizada por um padrão de flores, galhos e faixas num fundo de rede plana. É  perfeita para usar em modelos que pedem bastante movimento e fluidez. Também deixa uma transparência nas costas muito bonita.

Chantilly

Renda Guipure: Um estilo mais grosso, com um fundo aberto feito de uma série de guipures, com pontos pesados e bordado no papel e o papel depois é dissolvido deixando a peça final de renda. Guipure geralmente tem desenhos de rosas, margaridas e formas ovais. É bem tradicional e elegante. Pode ser usada para cobrir um corpete. O caimento dela também é mais pesado e ideal para vestidos bem estruturados.

Guipure

Point D’esprit: Feita pela primeira vez na Suíça em 1750, esta renda é feita de formas ovais, pontos ou quadrados espaçados uniformemente. Os pontos podem ser tecidos, juntados ou bordados no tecido.

Point despirit

Renda Soutache: É formada por costurar uma faixa em um padrão ou um fundo de renda fina, podendo ser rebordada com o fio soutache, é mais pesada do que as outras e, por isso, tem menos caimento.

Soutache Francesa

Confira algumas criações da estilista  e veja qual é o seu modelo preferido:

_DUD0037

_DUD0946 _DUD9862

BL_0032  CL 0500 Renata e Leo

@01118

(209) (5)

FOTO (73)

@00312 (3) 00304_COR

Casamento Mariana e Cristian

 
Advertisements