Noiva real: Celina

by marianakuenerz

Celina e Ricardo se conheceram na casa de uns amigos em comum. “Era uma quinta feira e eu estava até com preguiça de sair. As minhas amigas insistiram que eu fosse e então acabei cedendo. Lá, conheci o Ricardo. Ninguém nos apresentou, mas começamos a conversar por interesses em comum, e ficamos conversando durante a noite toda. Foi engraçado, porque fui com um grupo de amigas e, de repente, me vi sozinha na casa da minha amiga com ele e os donos da casa. Acho que foi tudo meio combinado para podermos voltar juntos. Ele acabou me dando uma carona para casa, pegou o meu telefone e ali começou o nosso namoro”, conta Celina.

@00015

O namoro durou cinco anos antes de se casarem e o pedido de casamento foi na Bahia numa festa de réveillon! “Ele fez surpresa e logo depois da meia noite me chamou num canto e me pediu em casamento. Foi maravilhoso e uma forma incrível de começar o ano!”.

Para Celina, o vestido sempre foi a peça fundamental do casamento porque é “A ROUPA” do dia mais esperado e, para ela, tinha que ser muito a cara da noiva. “Eu conhecia a Mariana por amigas minhas e tinha ido lá com a minha irmã e senti que a Mariana era assim: ela te ajuda a descobrir o que fica bem em você e o que você vai gostar de usar. Foi assim que aconteceu comigo. Eu não sabia bem o que queria; sabia o que não queria”.

A Mariana fez alguns desenhos e juntamos as costas de um, com a frente do outro, com a saia do outro e ela fez o vestido que eu mesma sonhava e nem soube explicar para ela”, conta Celina.

@00018

@00020

A noiva se arrumou no Copacabana Palace, com a sua irmã e sua mãe. Após, houve a cerimônia/festa no MAM. “Senti muita alegria e felicidade ao ver tantos amigos juntos nos desejando tantas coisas boas. Foi tudo maravilhoso como havíamos planejado e passou tudo muito rápido”.

@00040

@00042

@00310

@00312

@00337

@00338

“Eu não queria tomara que caia, não queria laços e não queria saia muito cheia. O que eu queria era combinar o vestido com uma mantilha que foi feita pela minha bisavó e usada pela minha avó, tias e primas”, acrescenta Celina.

@00372

@00373

image

Foi escolhida uma renda que combinava com a mantilha da noiva. “O vestido da Mariana foi muito elogiado por todo mundo, inclusive o meu marido que também achou o vestido a minha cara. Disse que eu não podia ter acertado mais e ficou super fã da Mariana”.

image3

image4

Apesar de todo o estresse, afirma Celina que a preparação do casamento foi muito gostosa: “Eu preferi fazer tudo da forma mais leve possível para não surtar com os preparativos. Não estar trabalhando na época e ter escolhido profissionais de confiança me trouxeram tranquilidade na hora de fazer algumas escolhas”, ressalta a noiva.

Eu tinha algumas certezas antes de começar a olhar as enormes opções do mercado de noivas. Eu sabia que queria o DJ André Werneck, a cerimonialista Thais Carvalho Dias e o vestido da Mariana Kuenerz”.

image1

image2

image6

Como conselho de noiva, Celina dá uma dica: “aproveitem muito cada momento da fase do noivado ao casamento. Cada momento é maravilhoso e inesquecível! O dia do casamento é único então aproveitem MUITO: comam, riam, dancem, se divirtam porque passa num piscar de olhos, mas a dica mais importante seria: vamos cuidar todos os dias dos nossos casamentos com o amor e carinho que cuidamos dos detalhes dos nossos vestidos, doces, decoração, etc. Esse cuidado no dia a dia é que faz a diferença!”.

Ficha Técnica:

Vestido: Mariana Kuenerz

Fotógrafo: Ribas

Make: Monica (Crystal Hair)

Cabelo: Alexandre Carvalho (CRystal Hair)

Decoração: Daniel Cruz

Advertisements